6 de janeiro de 2009

Só doutrina não é suficiente


Sally Morgenthaler

Só doutrina não é suficiente; doutrina colocada em prática na vida irá fazer a diferença entre eficiência e ineficiência no panorama espiritual, se quisermos alcançar adultos ou adolescentes.
O mundo pós-moderno e pós-cristão é relacional em sua essência. Está muito mais interessado no “ser” que no “conhecer”.
Como cristãos, o mais difícil nesse novo mundo é que não mais seremos capazes de impactar o mundo simplesmente declamando nossa teologia. Teremos de viver essa teologia “ em voz alta” – radicalmente.

Citação de Dan Kimball em A Igreja Emergente, Editora Vida

2 comentários:

Tales Paranahiba disse...

Valeu Paulo Silvano pela visita

McLaren é muito persuasivo, mas fala cada asneira teológica (ainda bem que não é teólogo).

Sobre Gondim, me decepcionei com ele. As Escrituras não são mais a regra de fé dele. Sobeja filosofia e sentimentalismo.

Sobre o arrependimento de Deus, se não for um antropopatismo, então sua Bíblia conterá sérias contradições e não será inspirada por Deus. A propósito, estou para escrever um estudo recente sobre a palavra "arrependimento" que tem um sentido no hebraico ligado à emoção de Deus mais que sua atitude, cuja expressão arrependimento usado para o homem num sentido de ação é outra palavra hebraica.

Acredito ainda que vc crê na inspiração da Bíblia e sua inerrância. Certo?

A paz
Tales

Gutierres Siqueira disse...

Pr. Paulo Silvano, a paz!

Dan Kimball foi muito feliz nessas observações. Hoje, a nossa sociedade está buscando pessoas com ética, e infelizmente a própria igreja evangélica não tem oferecido isso!
Nesse final de ano, estive visitando a Igreja Bestesda aqui em São Paulo-SP, mas ainda não tive oportunidade de conhecer o irmão pessoalmente...

Abraços!